Municipários participam de Ato em Defesa da Democracia promovido pela AJURIS

DSC_0081

Municipários participam de Ato em Defesa da Democracia promovido pela Associação dos Juízes do Rio Grande do Sul (AJURIS), nesta segunda-feira (16), no átrio do Palácio da Justiça. O evento contou com a participação e manifestação dos Três Poderes estaduais, de Tribunais regionais, organizações e entidades da sociedade civil, além do público em geral.

Para os diretores do Simpa, João Ezequiel e César Rolim, é importante o sindicato estar presente em manifestações de defesa do Estado Democrático de Direito, pois, além de tudo, não há sindicatos sem democracia. “Defendemos a investigação de Bolsonaro, de todos os golpistas e consequente prisão dos culpados. Sem anistia para os terroristas que atacam a Constituição, os poderes da República e a democracia”, destacaram.

O ato foi identificado como mais do que um “repúdio à tentativa de destruição da nossa democracia, e sim uma demonstração de força dos Poderes e da sociedade civil organizada para mostrar que não aceitaremos a instalação de um estado de caos no país, protagonizado por uma pequena parcela da população que não aceita o resultado de uma eleição legítima”, informou o presidente da AJURIS, Cláudio Martinewski.

Municipárias(os) também estiveram presentes na atividade e demonstraram preocupação com a manutenção da democracia. “Muitas pessoas que aqui estão nasceram já na democracia e ela é jovem, tem seus problemas, mas foi conquistada a duras penas e nós não podemos perdê-la. Estou aqui, junto com os colegas do Simpa, somando fileiras a favor do Estado Democrático de Direito”, disse Adriane Coelho de Oliveira, professora de educação física aposentada da rede municipal de ensino e participante do núcleo de aposentados do Simpa.

Já para Rosangela Gomes Schneider, enfermeira aposentada do HPS,  é muito importante se somar às representações legislativas e judiciárias presentes. “Estou aqui como cidadã brasileira, lutando pela defesa da nossa democracia. É inaceitável o que tem ocorrido no nosso país com a conivência de muitos poderes. É importante que neste momento a Justiça esteja aqui unida com o parlamento na luta e na defesa da democracia. Vamos à luta pela vida, pela saúde e pela educação do povo brasileiro”, afirmou.

Municipário desde 1983, Eliseu Ridi contou que foi vereador e prefeito por duas vezes em Viamão e “depois tive oportunidade de retornar a Porto Alegre e participar das lutas do Simpa, movimento importante dos trabalhadores e funcionários da prefeitura de Porto Alegre. E hoje estamos aqui (defendendo a democracia), estou aposentado e me somando à luta dos companheiros do Simpa”.  Para ele, o resultado eleitoral foi uma vitória do movimento popular contra a repressão do governo que passou. “É importante a defesa da democracia para vencer o fascismo e para que seja possível fazer um bom governo a todas e todos trabalhadores do nosso país”, concluiu.

O Simpa atua em defesa do serviço público, das servidoras (es) e da cidade de Porto Alegre, o que só é possível com a Constituição Federal sendo respeitada.

Municipários participam de Ato em Defesa da Democracia promovido pela AJURIS

Mais notícias