Simpa e Atempa participam de ato em repúdio à violência nas escolas

O Simpa e a Atempa estiveram, na manhã desta quinta-feira, 01/11, na EMEF Grande Oriente, participando de manifestação organizada pela comunidade escolar com o objetivo de denunciar a violência nas escolas e pedir providências à Smed no sentido de garantir segurança a professores e alunos e promover ambientes mais pacíficos, essenciais à prática educacional.

O caso da professora agredida ontem na escola é o segundo em apenas uma semana a ocorrer em Porto Alegre — no dia 24, caso semelhante aconteceu na EMEF Afonso Guerreiro. As ocorrências e o pouco tempo que as separam demonstram a gravidade da situação. Muitas escolas, inclusive a Grande Oriente, não contam mais com equipe da Guarda Municipal. Além disso, é preciso que haja ações concretas, por parte do poder público municipal, que coíbam tais ações e ajudem a trazer a paz de volta às salas de aula.

O Simpa e a Atempa lamentam profundamente tais episódios e têm se empenhado no sentido de dar suporte aos professores e de buscar saídas para a violência nas escolas.

Mais notícias

Líderes da Câmara decidem levar, ao prefeito, proposta de abertura de negociação sobre a data-base

O Colegiado de Líderes da Câmara Municipal de Porto Alegre…

Nota do Simpa em repúdio à propaganda de emprego da Prefeitura

O Simpa vem a público manifestar seu repúdio e indignação…

Na Câmara, Simpa demonstra que prefeitura pode repor perdas dos municipários

  A luta pela reposição da inflação salarial…